Teoria dos estilos de liderança

Estilo de liderança é a maneira como os líderes se comportam e o que usam para controlar o comportamento de seus liderados, esta teoria trata se de três estilos abordados:

  • Ambiente autocrático: dentre as regras, as atividades, os companheiros de trabalho, os objetivos e as formas a serem executados é o líder que determina, pois o líder era uma pessoa de certo comportamento dominador e pessoal em seus elogios. A avaliação e a atenção dada pelo líder eram sempre individual e muito pessoal, com critérios não justificados. Ambiente de total rigidez e controle.
  • Ambiente democrático: o líder estimula as normas, regras, atividades e execução eram discutidas e decidas pelo grupo, pois o líder apenas fornecia orientações e recomendações e essas avaliações eram objetivas, factuais e sempre justificadas, o grupo que determinava as técnicas de execução das tarefas e da sua divisão, porem cada membro tinha a liberdade de escolher seus companheiros de trabalho. O líder procurava sempre ser um elemento normal no grupo, sugerindo quando solicitado e apresentando alternativas para o grupo escolher.
  • Ambiente laissez-faire, com completa liberdade individual e grupal. O líder apenas fornecia o material de trabalho e as informações só eram dadas quando fosse procurado, ele porem não participava das atividades ou de suas atribuições, isso ficava a cargo do grupo. O líder não avalia e somente quando solicitado faz comentários sobre o grupo.

Dessa maneira, os estilos de liderança apontam a importância do comportamento do líder sobre o liderado.

 

A importância dos líderes na história

Ao longo da história surgiram pessoas que marcaram gerações como referencial de liderança.  Esses líderes tiveram grande importância para muitas mudanças na política, religião ou em outras áreas que lhe permitiram a oportunidade de se destacarem. Líderes que influenciaram gerações de maneira positiva, pois seus ideais atraiam seguidores e os motivavam a segui-los: Mahatma Gandhi, Nelson Mandela, Adolf Hitler e Jesus Cristo.

Mahatma Gandhi, conhecido como maior pacifista indiano, o principal personagem na luta pela independência indiana, político, educador indiano, destaque como defensor da Satyagraha (não violência) e exemplo a resistência à opressão, Gandhi surgiu como instrumento para definição de novos modos da interação humana, influenciou a geração de ativistas democráticos e recorria a jejuns como forma de protestos, chegou a ser preso por participar de uma manifestação pública contra os impostos, permanecendo dois anos na prisão. Gandhi lutou muitos anos pela independência da Índia, e após um ano da conquista, foi morto por um hindu, tendo suas cinzas jogadas no Rio Ganges, local sagrado para a religião.

Nelson Mandela teve sua história de vida muito conhecida como guerreiro na luta pelos direitos dos negros, líder estratégico, que com muita coragem e sabedoria, ajudou a introduzir a democracia na África do Sul de dentro de prisões, posteriormente sendo eleito presidente deste país. Foi líder do movimento Apartheid (legislação que segregava os negros no país), e premiado por sua luta em favor dos direitos humanos, recebendo o Prêmio Nobel da Paz.

Adolf Hitler tornou-se chefe do partido inspirado no fascismo, no qual influenciou e atraiu muitos filiados, e após a morte do presidente alemão ficou com as funções de chanceler e presidente. E numa sucessão de atos ilegais instalou sua ditadura, tornou-se o maior líder do partido nazista, tendo como ideologia o racismo, perseguição a grupos minoritários como ciganos, homossexuais, deficientes, judeus, esta perseguição foi chamada de Holocausto, levando cerca de 11 milhões de pessoas a morte. A trajetória de Hitler estava destinada ao fracasso por sua personalidade de ditador e seus ideais, porém ele atraiu inúmeros seguidores e se tornou um dos maiores líderes da história, atingindo seus objetivos.

Jesus Cristo foi o maior líder de todos os tempos, o modelo perfeito de liderança baseado em valores humanos e com princípios voltados para o crescimento, harmonia e realização de todos. Jesus foi um líder audacioso, rompeu barreiras e soube valorizar às pequenas coisas da vida e amava seus seguidores de maneira incondicional, provou isto dando sua própria vida. Ele tinha realização nas pessoas, e seu amor ao próximo foi um dos principais ensinamentos que nos deixou. Conhecido como principal figura do cristianismo, fazia suas pregações e realizava milagres por onde passava. Sua história foi contada nos livros sagrados de várias religiões, e suas palavras pregavam amor e paz como base e direcionamento, seus ensinamentos atraem seguidores e influencia a vida das pessoas até os dias de hoje.

Tais líderes foram de grande importância para a formação de líderes atuais, eles alcançaram seus objetivos e transformaram gerações influenciando pessoas  e motivando a seguir seus ideais.

Gostou do artigo! Então compartilhe com seus amigos.

Outros artigos de interesse